• Shawn Johnson volta a treinar com a seleção dos EUA e mostra otimismo


    Dois anos e meio depois de conquistar quatro medalhas nos Jogos Olímpicos de Pequim, a norte-americana Shawn Johnson voltou a treinar com a seleção de ginástica artística de seu país na semana passada. E ela ficou satisfeita com os primeiros dias de trabalho, em um dos rotineiros treinamentos em conjunto realizado em Houston.

    Os oito dias de treinos com as companheiras de seleção foram o primeiro grande passo de Shawn em seu retorno ao esporte. Após aproveitar os louros da fama e se recuperar de uma grave lesão no joelho, a multimedalhista olímpica e mundial voltou a se exercitar no segundo semestre do ano passado, quando anunciou que tentaria recuperar a forma para brigar por vitórias na Olimpíada de Londres-2012.

    Agora, ela está oficialmente listada na seleção norte-americana, ao lado de antigas parceiras como Alicia Sacramone, e de novos expoentes da ginástica dos Estados Unidos, como Rebecca Bross e Bridget Sloan. Ao todo, 16 garotas estão trabalhando sob o comando da coordenadora Marta Karolyi. Nastia Liukin segue fora do time, afinal ainda não confirmou se voltará ou não a competir.

    Em seu site, Shawn Johnson se disse satisfeita com os resultados do primeiro treino conjunto com a seleção em dois anos e meio. “Estou pensando sobre tudo que aconteceu nos últimos dias e estou muito empolgada com as novas portas que vejo se abrirem diante de mim”, escreveu a ginasta. “O treino terminou muito bem. Não consegui fazer tudo que eu queria por causa do meu joelho, então foi mais um período de condicionamento físico do que qualquer outra coisa. Mas eu finalmente estou chegando perto da forma que eu quero ficar para estar pronta para fazer minhas séries”.

    A campeã olímpica ainda se disse otimista com sua evolução e, principalmente, com toda a equipe dos Estados Unidos. “Deixem-me contar uma coisa: essas novas garotas são incríveis! É empolgante voltar ao esquema e ver a esperança da futura geração. As garotas estão trabalhando super bem e o potencial do nosso time é incrível. Tenho certeza de que seremos o time a ser batido”, afirmou.

    “Ainda tenho um longo caminho a percorrer para fazer parte de qualquer equipe, mas voltando do treino eu me senti motivada a disputar minha primeira competição. Nosso próximo treino será dentro de cinco semanas, e eu espero melhorar mais para provar a Marta que eu mereço um lugar no time como qualquer outra”, concluiu.

    Fonte: UOL
  • You might also like

    2 comentários:

    1. ótima noticia! A Shawn é uma superestrela e eu relamente rezo para q ela consiga voltar a executar todos os exercicios q ela costumava fazer! Quanto a Nastia, se ela demorar um poko mais a se decidir, poderá ficar fora do mundial (tambem keria q ela voltasse :/)

      ResponderExcluir
    2. Também estou muito feliz com a volta da Shawn. Mas sinceramente, estou surpreendido com a evolução dela. Embora ela só deva estar fazendo 70% de tudo que consegue, vai ser uma estrela "a ser observada".
      Ontem mesmo, vi uma pequena matéria que passou em um telejornal de Iowa, que mostra ela treinando. Ela disse que vai voltar entre julho e agosto. E disse ter metas para o Mundial de Tóquio. Ah! para verem o vídeo, coloquem no youtube: "Shawn Johnson 2011 training"
      o/

      ResponderExcluir

    Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.