• Gymnasiade 2013 - Análise e resultados


    No dia 03 terminaram as finais por aparelhos do Gymnasiade 2013, encerrando, assim, a competição. O Brasil competiu bem no feminino e começou a colher os frutos do investimento feito com a contratação de Alexander Alexandrov. Já no masculino, os nossos ginastas não foram bem.

    Masculino

    Na ginástica artística masculina, os meninos subiram ao pódio apenas uma vez. Na final por equipes, o ouro ficou com a Rússia, a prata ficou com a Inglaterra e o bronze com a França.

    No individual geral, nenhum brasileiro figurou entre os oito primeiros colocados. Nessa final, o ouro e o bronze ficaram com a Rússia (Kirill Potapov e Artur Dalaloyan) enquanto a prata ficou com a Inglaterra (Nile Wilson). Apenas Ângelo Assumpção se classificou para as finais: salto (1º) e paralela (6º). Ângelo terminou as finais de salto em 2º e paralela em 7º.

    A ginástica masculina do Brasil cresceu muito nos últimos anos e vem fazendo uma campanha excelente, mas confesso que os últimos resultados juvenis me deixaram um pouco apreensivo com a renovação da nossa equipe. Parabéns aos meninos, mas acredito que eles podem (e devem!) mais do que o apresentado nessa competição.

    Feminino

    Na ginástica artística feminina, as meninas foram excelentes. Na final por equipes, as meninas passaram mal na paralela: Rebeca Andrade caiu duas vezes, Lorenna Antunes caiu uma vez, e Mariana Oliveira estava com a mão aberta e fez uma série fraca. Flávia Saraiva foi a única que não teve erros, mas ainda tem uma série simples e, portanto, não teve uma pontuação alta. No salto, na trave e no solo elas foram as melhores, o que garantiu a prata por equipes, ficando apenas 0.550 décimos atrás das russas. As inglesas completaram o pódio em 3º. Uma queda a menos e as brasileiras teriam sido campeãs!

    No individual geral, a russa Alla Sosnitskaya ficou com o ouro, Flávia Saraiva com a prata e Rebeca Andrade com o bronze. As meninas ainda se classificaram para todas as finais: Flávia Saraiva foi para as finais de paralela, trave e solo; Rebeca Andrade foi para as finais de salto e solo; Mariana Oliveira foi para as finais de salto e trave.

    Na final de salto, Rebeca Andrade apresentou um excelente amanar e ficou em primeiro lugar. Acredito que esse salto da Rebeca atualmente é um dos melhores do mundo. A postura e a altura onde ela termina a última meia volta do salto são impressionantes. A russa Alla Sosnitskaya ficou com a prata e Mariana Oliveira ficou com o bronze.

    Nas final de paralela, ouro para a húngara Noemi Makra, prata para a francesa Loan His e bronze para inglesa Ellie Downie. Flávia Saraiva terminou a final em 6º, com a maior nota de execução.

    Na final de trave, mais duas brasileiras no pódio: ouro para Flávia Saraiva e prata para Mariana Oliveira. Ambas tem uma postura excelente nesse aparelho, e algumas ligaçõezinhas já estão sendo feitas. Acredito que elas ainda possam evoluir mais do que o que foi apresentado, a postura de ambas está muito boa! Victoria Kuzmina ficou com o bronze.

    Na final de solo, mais um ouro para o Brasil: Flávia foi a campeã, seguida da grega Argiro Afrati e da russa Seda Tutkhalyan. Rebeca Andrade teve alguns erros e ficou em 6º. Flávia tem uma parte artística maravilhosa nesse aparelho, que aliada à excelente execução, se torna vantagem para ela, já que ainda não apresenta uma nota D tão alta.

    Foi excelente saber que na categoria juvenil o Brasil está batendo de frente com uma grande potência, que é a Rússia. Todas as ginastas tiveram saída D em todos os aparelhos. Faltaram cumprir alguns requisitos na paralela, mas Mariana Oliveira e Rebeca Andrade já cumprem todos (apesar de não terem se saído bem) e tem a série completa. Estamos no caminho certo. Acredito que a renovação está chegando, e chegando bem!

    Resultados completos

    Classificatórias (vá rolando as páginas até chegar em Ginástica Artística)




    Finais Masculinas (clique na foto para ampliar)

    Solo



    Cavalo com alças


    Argolas


    Salto


    Paralela



    Barra fixa



    Finais femininas (clique na foto para ampliar)

    Salto


    Paralela


    Trave


    Solo


    Vídeos

    Vídeos excelentes foram postados nos canais de quem assistiu a competição. Confira!

    Vanderlei Sales: http://www.youtube.com/channel/UCdElshLsbuRvTEnRrE_vW1g
    Helena Tatiana: http://www.youtube.com/user/helenatati?feature=watch
    Jefferson Soares: http://www.youtube.com/user/JEFFERSONGINASTA/videos

    Agradeço a Tina Bel pelo print dos resultados.
  • You might also like

    15 comentários:

    1. Parece que agora o Brasil está ganhando consistência na trave!
      Mariana e Flávia... que ginástica linda a de vcs! Flávinha com a ponta de pé impecável! (bailarina é pouco).
      Não sei se isso já é resultado do trabalho de Alexandrov. Mas a certeza é de que ele veio para somar muito nos resultados da Gym Brasileira!
      Se continuar assim, podemos até pensar num 6º ou até mesmo um 5º lugar na TEAM olympíca e alguma medalha nas finais!

      Parabéns Meninas... continuem assim, alimentando os sonhos de quem ama e aprecia uma boa ginástica, e quer ver o nosso Brasil fazer um nome lá fora!

      Diego

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Bem pessoal. Que o brasil teve bona resultados ninguem disccute.mas ficar discutindo se o brasil nao caisse e bla bla bla isso n vale temos q ganhar com habilidade e nao sorte aas russas inglesas Me suRPRENDEu em dificuldases no solo trave e barra incrivel se n tivessem quedas tbm . Coitado do brasil ficaria em 3sem equipe e tem inglesa fazendo pirueta esticado na travwe grupado sem flic hj foram ruim maa amanha qm dira ... asorei amanar da rebeca tem futuro .

        Excluir
      2. Aprende a escrever primeiro antes de opinar! Não entendi bulhufas do que disse! #ficaadica

        Diego

        Excluir
    2. Muito feliz pelas meninas. Sempre gostei da Mariana e finalmente ela ta trazendo resultados. A Rebeca ta saltando muito bem, mas acho que a altura já ta trazendo resultados negativos. A trave foi muito mal executada, fiquei um pouco preocupado. Só espero que esteja enganado em relação a isso e que só seja nervosismo de competição.
      A Flávia foi linda, achei incrível sua série de trave, tudo muito bem feito, sem falhas. O seu solo é uma graça.
      Acho que essas três que citei anteriormente são os nomes desse ciclo. Espero que tudo corra conforme o esperado e as meninas cheguem fortes nas olimpíadas.

      ResponderExcluir
    3. Não compreendendo bem a nota final do salto feminino. Com o Amanar (6,30), Rebeca teve 8.900 de execução sendo despontuada em 0.300 o que lhe daria 14.900 de nota final neste salto. Tendo em conta que sua média final foi 15.100, presume-se que em seu segundo salto obteve 15.200!!!!!!!!!!!!!!! Se foi o Lopez (5,600), teve então 9.600 de execução ooooooo!! Fiquei pasmo. Ainnda que esse desconto não tenha sido todo no Amanar, ou em parte dele (tipo 0.100 em um e 0.200 no outro), a execução do segundo salto continuará sendo muito alta. A mesma observação deve ser feita com relação a Mariana que conseguiu 14.513 de média. Como não sei se ela saltou Lopez deve ter obitido boa nota de execução no segundo salto. Realmente estão de parabéns. Mas não devem se contentar com apenas com isso. Estamos só no começo, o verdadeiro campeão está sempre melhorando, evoluindo.

      Ah, alguém sabe a dificudade da tave da Flávia e da Mariana?

      Estou muito FELIIIIIIIIIIIIZZZZZ!!!!!!!!!!!!

      Marcio

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Ela saltou Amanar e DTY.

        Excluir
      2. Bom, considerando todas as ligações que a Flávia propõe a fazer na trave:
        Acrobacia: D + D + D + C = 1,5
        Dança: D + C + C = 1,0
        Conexão: 0,2 + 0,2 + 0,1 = 0,5
        Saída: D = 0,4
        Requerimentos: 2,5
        Dificuldade: 5,9

        Excluir
    4. No começo tinha pensado que as meninas estavam fracas. Mas depois de tantas quedas, vi que estava enganado. Pois pensei: perdemos para um time B russo ou coisa pior. Mas depois de ver a competição vi que estava totalmente enganado, tanto em relação às russas e às brasileiras. Só na paralela foram 4: 2 Rebeca, Lorena e Mariana que perdeu o embalo. No solo, só vi a Lorena cair na última passada e Julie na trave. Na trave, acho que Rebeca errou por ter diminuído a dificuldade e nervosismo, por ser o ultimo aparelho, talvez estivesse cansada e abalada das quedas nas barras, pois ela treina todo dia forte e, chegou na hora perdeu ligações, não fez a entrada de mortal pra frente. Mas foi bem.

      Esta equipe, com algumas alterações à frente, como a entrada da Lorrane e, talvez, Milena, está me lembrando a equipe russa de 2000, longe de mim fazer comparações e, nem sou russo-fã, mas é o que parece. Meninas com acrobacias fortes e outras com muita graciosidade.

      Virei super fã da Flavinha. Boa sorte à equipe brasileira.

      ResponderExcluir
    5. Fico sempre vendo as pessoas menosprezando a ginastica brasileira . Sim nosso ultimo resultado foi mt ruim .Contudo n significa q é definitivo . Ao lembrar do mundial de 2007 a Jade perdeu o ouro no AA por pouco , se n fosse a queda no FX ela teria ganhado . Não estou falando q nos ja somos uma potencia no esporte mas se deve lembrar q a Rússia ganhou em londres a primeira medalha olímpica depois de diversos ciclos sem constar no top 3 . Se os críticos olharem para os resultados da Maria Kharenkova ( RUS) , poderam ver q a Rebeca consegue superar as notas dela no AA . Não to tentando tirar conclusões precipitas ou q outras pessoas me taxem com o titulo de "brazilian-fan " mas gostaria de julga os atletas por seus próprios resultados e n por seus antecessores .

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. se ela não tivesse caído ficaria com a prata...
        se somarmos o valor da queda e mais alguns descontos ela não conseguiria passar a Shawn, mas ficaria com a prata...

        Excluir
      2. Ah,comparar a Rebeca com a Maria Kharenkova como AA é meio covardia,poxa haha a Kharenkova é especialista de BB/FX,e nesses aparelhos ela é visivelmente melhor que a Rebeca(pelo menos por agora) u.u sobre a Jade ter quase vencido a Shawn,realmente o anonimo debaixo está correto.O solo dela sem a queda não daria o ouro pra Jade(ficaria a cinco décimos do ouro),mas o problema é que o solo da Jade foi todo errado da terceira passada pra frente,então,se ela fizesse um solo bem correto,como ela sabia fazer na época,acho que daria pra chegar na Shawn SIM.

        Excluir
    6. Como não se encantar com Flávia Saraiva:

      http://www.youtube.com/watch?v=XuQ7HoVC0K4

      ResponderExcluir
    7. Impressionante a altura dessa dupla e meia da Rebeca Andrade no salto. Pude ver pessoalmente...

      http://www.youtube.com/watch?v=wkSeEoD0bJM&list=PL8-wS3nFPeilC_GDLt5p-orHdV8RPmmXM

      ResponderExcluir
    8. Gymnasiade - Qualificatória de Solo - Rebeca Andrade

      http://www.youtube.com/watch?v=bf1QqC3DXeY&list=PL8-wS3nFPeilC_GDLt5p-orHdV8RPmmXM&index=1

      ResponderExcluir
    9. Qual é a largada e retomada da Mari Oliveira ?

      ResponderExcluir

    Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.