• Cheng Fei fala sobre a pressão e os erros em Pequim


    Após ter começado seus treinamentos com 4 anos de idade e integrado o time nacional aos 13, Cheng Fei foi consagrada campeã mundial nove vezes. Ontem, ela passou pelo "Yangtze Forum" na Hubei Provincial Library, para falar sobre suas experiências e promover a ginástica a nível recreativo na China. 

    Ao falar sobre como a torcida a ajudou após o erro que cometeu nas finais do Solo em Pequim - 2008, ela não pode conter suas lágrimas. Cheng Fei se aposentou do time nacional em 2012 e, no ano passado, retornou para sua escola, o Wuhan Institute of Gymnastics. Ao relembrar sobre sua carreira, as duas memórias mais vívidas que ela tem são de quando "chorou miseravelmente". 

    Antes das Olimpíadas de Pequim, como capitã nacional do time, Cheng Fei sentiu-se pressionada como nunca havia se sentido antes. "Foi diferente das Olimpíadas de Atenas. Eu era muito nova e muito corajosa naquela época, fazia qualquer coisa que me mandassem fazer. 2008 foi diferente, eu precisava liderar um time e eu senti que meu ápice já havia passado. Havia muita pressão".

    Naquela época, Cheng Fei deitava em sua cama todas as noites e tinha dificuldades para lidar com suas próprias emoções. "Todos os dias, eu queria ir até meu técnico e dizer 'eu não quero mais fazer isto (ginástica). Você pode me espancar até a morte e eu ainda assim não vou querer'. Mas quando eu voltava ao ginásio no dia seguinte, eu pensava: 'E meu técnico? e meu time?'"

    Um dia, depois dos treinamentos, todas as suas colegas de equipe haviam saído do ginásio e Cheng Fei ficou sozinha, agachada no canto, chorando. Seu técnico chegou até ela e perguntou: "O que está acontecendo? Porque você não voltou para o dormitório? O treinamento já acabou". Cheng Fei estava chorando tanto que não conseguia nem falar, e tudo o que conseguia fazer era balançar sua cabeça. As palavras seguintes do seu treinador, a deixaram de boca aberta: "Vamos arrumar um namorado pra você." 

    "Eu estava pasma, eu estava chorando e tentando dizer 'isso não é nem remotamente perto do tipo de problema que estou tendo!'" - Cheng Fei se recorda, levando a platéia a risadas. Em 2008, Cheng Fei liderou o time feminino de ginástica da China à sua primeira medalha de ouro da história, mas teve faltas em suas apresentações nas finais de seus melhores aparelhos, solo e salto, conquistando um sétimo lugar e um bronze, respectivamente. Ela se lembra de não querer continuar depois de seu erro no solo. 

    "Eu quis desistir ali, mas tentei me recompor e quando terminei meu cérebro estava completamente em branco. Era como se tudo aquilo que eu tivesse aguentado por todo esse tempo tivesse sido em vão". O que ela não esperava era que da multidão de 20 mil pessoas, as palavras que ecoavam seriam "Cheng Fei, você é a melhor!" e "Nós te amamos". 

    "Eu me lembro de chorar muito quando ouvi aquilo e até hoje, quando penso sobre isso, isso me move da melhor forma possível. Foi o tempo mais difícil e eu penso que, como atleta, receber tal suporte faz com que tudo valha a pena, não importa se você obteve êxito ou fracasso."

    Fonte: http://16-233.tumblr.com/post/79028752763/cheng-fei-at-yangtze-forum-to-promote-gymnastics
    Tradução: Marina Aleixo
    Foto: Thomas Schreyer
  • You might also like

    4 comentários:

    1. GUERREIRA !!! Eu arrepiava até o último quando ela pisava no tablado. Cheng Fei era focadíssima e fazia ginástica pra vencer. Pra mim ta longe da China ter outra igual ou parecida a essa Eterna Campeã...

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Um dos maiores nomes da ginástica mundial...

        Excluir
    2. Fei Cheng faz muita falta na ginástica, era uma campeã nata mas não importa o quanto você seja talentosa na ginástica porque esse é um esporte realmente muito difícil e para poucos e chega uma hora em que realmente não dá mais.

      ResponderExcluir
    3. Cheng,a maior ginasta chinesa de todos os tempos

      ResponderExcluir

    Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.