• Brasil conquista mais 4 finais em Osijek


    Os ginastas brasileiros fizeram uma excelente competição no 2º dia de classificatórias da Copa do Mundo de Ginástica Artística, em Osijek. Conseguiram hoje mais 4 finais e, dessa forma, todos os atletas da delegação brasileira estarão na disputa por medalhas.

    Arthur Zanetti se classificou em 1º lugar para a final de argolas com 15.800. O ginasta ainda mantém a série de 6.8 de dificuldade e com a excelente execução de 9 pontos. Lucas Bittencourt acompanhou Zanetti nessa final e se classificou em 7º com 14.850, o que é uma ótima nota para a equipe.

    Caio Souza, que já havia se classificado ontem para a final de paralela, conseguiu hoje mais duas finais: com 14.450 foi o 8º melhor no salto e com 14.500 foi o 2º melhor na barra fixa. Arthur Nory também vai competir na final de barra e se classificou em 3º com a mesma nota de Caio. Apesar da mesma nota final, Nory apresentou uma série mais difícil.

    A última final veio na trave: tanto Jade Barbosa como Thauany Lee se classificaram para essa final. Jade se classificou em 1º com 14.350 (D 6.0) e Thauany em 3º com 13.600 (D 5.9). Nenhuma das duas competiram solo.

    Essa competição faz parte da etapa final de decisão da comissão técnica do Brasil sobre as equipes que estarão representando o Brasil no Mundial. Diferente do último ciclo, várias opções de bons ginastas estão à disposição da equipe, mesmo com o desfalque de grandes nomes como Rebeca Andrade e possivelmente Sérgio Sasaki.

    Os melhores nos demais aparelhos foram:

    Salto masculino - Marique Larduet (CUB) 15.275
    Barra fixa - Hidetaka Miyachi (JPN) 15.000
    Solo feminino - Dorina Boczogo (HUN)

    Confira os resultados completos: barra fixa, salto masculino, argolas, solo feminino e trave.

    As finais serão transmitidas no sábado e domingo a partir das 11:30h nos canais SporTV.

    Post de Cedrick Willian

    Foto: Ricardo Bufolin
  • You might also like

    8 comentários:

    1. Só conseguiram esse tanto de finais devido ao nível fraquíssimo dessa etapa da copa do mundo.

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. O seu otimismo é bem motivador! Parabéns!

        Excluir
      2. Não se trata de otimismo ou pessimismo... os ginastas têm seus méritos, claro, mas não dá pra achar que esses resultados, em especial no feminino, são suficientes pra trazer boas colocações em competições mais disputadas. O feminino há tempos que vem deixando muuuito a desejar...

        Excluir
    2. Por isso que digo....tem que botar as novatas mesmo...Jade e Daiane, foram muito boas, mais passou a fase.Thauany foi na primeira competição, pressão, primeira a se apresentar. Foi lá e lacrou. Parabéns. ...
      Jade com desculpa de sempre que está se recuperando de lesão. Papo que vem desde 2007/2008. ...
      Melhor Georgete abrir o olho.
      Será cobrada pelos brasileiros.

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Não é desculpa da Jade e não é culpa dela: nos últimos anos ela andou muito lesionada. Engraçacado que a Komova vive lesionada e as pessoas não perdem esperança em vê-la voltando e competindo novamente. Não sei porque esse descaso quando se trata de brasileiras.

        Motivo de orgulho a Thauany ter se saído bem! Mas uma coisa é certa: o fato dela ter ido bem não tira o mérito do esforça das outras.

        Excluir
      2. Me desculpe, mais impossível comparar o desempenho de komova com o da Jade....
        Nem em sua melhor fase, chegaria próximo a Gamova.

        Excluir

    Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.