• Após uso de cocaína, ex-campeão deixa o Mundial por "razões médicas"



    O ex-campeão mundial Yuri van Gelder, que recentemente voltou ao esporte após ser suspenso por mais de um ano pelo uso de cocaína, desistiu de defender a Holanda no Campeonato Mundial de ginástica, informou a federação local nesta terça-feira.

    A União Holandesa não deu maiores explicações para a ausências de Van Gelder. “Há razões médicas de cunho pessoal que levaram Yuri a desistir da equipe”, disse Hans Gootjes, gerente de esportes da entidade.

    Em entrevista coletiva via Web, o dirigente chegou a dizer que haviam “motivos importantes” para a saída do ginasta do Mundial. No entanto, ele se negou a dar mais detalhes, mas revelou que o atleta não passou por exames antidoping.

    Van Gelder, que era apontado como um dos candidatos a medalha no Mundial, retornou à ginástica há cerca de um mês, depois de mais de um ano afastado pelo uso de cocaína.

    O ginasta, de 27 anos, ganhou a medalha de ouro no Campeonato Europeu, na Hungria, em 2005, e se sagrou campeão mundial na Austrália, no mesmo ano. O Mundial deste ano será realizado de 16 e 24 deste mês, em Roterdã, na Holanda.
  • You might also like

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.